Bagagem emocional

Bagagem emocional

Talvez seja essa a grande vilã dos relacionamentos. A bagagem emocional. O resquício, o trauma, as mazelas, as lembranças. Tudo isso gera insegurança e medo do novo. O medo do “de novo”. O medo de se entregar, de acreditar, de se dedicar e de se decepcionar. E tudo isso porque alguém, certa vez, teve a infeliz ideia de dizer que é normal errar uma vez, mas prosseguir no erro é indigno. Tolice, eu diria. Não existem erros iguais, apenas situações coincidentes. Ninguém erra duas vezes igual porque não existem nesta vida duas situações idênticas, e mesmo se existissem, a pessoa com quem você está lidando não é a mesma e, sobretudo e o mais importante no caso, é que você não será mais o mesmo. A cada erro um aprendizado. Cada vez que você acredita que será diferente, realmente há de ser. Talvez novamente não haja o final que você espera, mas haverá um final que você ainda desconhece e que irá te transformar em uma pessoa mais preparada do que é hoje. E isso, por si só, já vale o risco. A bagagem emocional te aprisiona e te faz ser injusto. Faz com que você jogue as decepções de um relacionamento passado na conta de uma pessoa que não tem nada a ver com isso. Faz você duvidar da sorte. Faz você afastar uma pessoa boa da sua vida com medo de se decepcionar com ela, ou de causar essa decepção.  É essa bagagem que faz surgirem clichês do tipo: “Todo homem não presta” ou “Toda mulher é interesseira”. Superficial e tolo como tantas outras conclusões que se ouvem por aí. Não é todo homem que não presta. Talvez o que não preste sejam os seus critérios de escolha, ou os lugares em que você tem procurado esses homens. Já pensou nisso? E nem toda mulher é interesseira e, sim, você que faz de tudo para atrair as que são, mostrando mais o que você tem do que o que você é. Comportando-se assim, não restam dúvidas quanto ao tipo das pessoas que irão se aproximar de você. O passado não pode fechar portas para o futuro. Ele apenas te direciona sobre quais novas portas abrir. Pense nas suas decepções passadas. Veja quanto que você se tornou uma pessoa melhor depois delas. Não valeu a pena? De que outra forma você poderia alcançar a maturidade que tem agora? Foi dolorido? Com certeza! Mas ninguém te disse que seria fácil. É também por conta dessa bagagem emocional que surgem as fórmulas prontas. Não ligue no dia seguinte, tente não demonstrar interesse, cuidado com as palavras fortes, demore um pouco para responder… Fórmulas que deram certo em momentos distintos e com pessoas totalmente diferentes de você. O mundo seria um lugar melhor se as pessoas procurassem ser mais verdadeiras e ficassem menos na defensiva. Menos fórmula pronta, mais cara limpa. Você gosta? Então diga! Está com saudade? Procure! Quer conversar? Ligue! Sem medo, sem frescura, sem orgulho, sem receio. E você que está recebendo tal tratamento, não seja estúpido e trate essa pessoa com a atenção e a verdade que ela merece. Coragem e transparência são itens raros nos dias de hoje, e não faz sentido você que reclama tanto de não poder confiar nas pessoas, não saber valorizar quando aparece alguém que te trata com verdade. As pessoas parecem estar perdendo o hábito de lidar com a verdade, por isso ela assusta tanto. Não tenha medo de ser feliz. Mais vale um mês de alegria do que um ano inteiro de solidão. Ninguém sabe quanto tempo vai durar. Um casamento, um namoro, um romance, uma amizade, um amor, a vida. Tudo é passageiro e incerto. Mas o medo de acabar não pode nunca te impedir de tentar. É comum ouvir por aí alguém dizer: “Terminei meu namoro de três anos. Não deu certo!” Não deu certo? Como não? Em tempos de casamentos que duram meses você me diz que um relacionamento de três anos não deu certo? Deu muito certo, caso contrário não teria durado tanto. Foi verdadeiro? Foi intenso? Deixou boas recordações? Então deu certo sim e valeu a pena. Se houve dor e decepção no caminho, é o preço natural que se paga. Que venham outros amores, outros amigos, outros lugares e outros momentos. Que a dor de um adeus não seja maior que a alegria de um recomeço. Que o medo de errar não seja maior que a vontade de acertar. A vida vai ser sempre essa roda gigante e, se você não aguentar o frio na barriga na hora da descida, não vai sentir o vento no rosto e a sensação única da subida. E, vai por mim, a vista lá de cima é incrível.


3 de julho de 2012

47 respostas para “Bagagem emocional”

  1. Nath disse:

    Adorei Rafa.. tá cada dia escrevendo melhor. Bjos.

  2. Anonymous disse:

    1ª vez que entrei. Li e fiquei fã! Coerência, desabafo, verdade. Texto simples, leitura prazerora. Parabéns. Continue nesse ritmo!

  3. Glenda disse:

    Nossa! Você realmente sabe como dizer as coisas.

  4. André. disse:

    Tento acompanhar todos os textos, mas esse continua sendo o preferido. Não canso de ler e reler “Bagagem emocional”. É fantástico Rafael. Abraço!

  5. Carolina Pinheiro disse:

    Texto maravilhoso, escreve muito bem, soube si expressar.
    Parabéns !

  6. Ana Paula Salume disse:

    Amei o texto! É tudo isso… e a analogia com a roda gigante é perfeita!

  7. Juliana disse:

    Perfeito ! Parabéns !

  8. Anne disse:

    não tem um textos seu qq eu não gostei, todos perfeitos ! Parabéns

  9. Veronica disse:

    Perfeito!!! Eu precisava ler isso!!!!

  10. Mayara Leao disse:

    Perfeito!

  11. Laís disse:

    Rafael Magalhães você mais do que ninguém me entende, entende a mim que não consigo fazer isso, nem eu mesmo me entendo e você sim, mas você faz melhor do que apenas me entender, você me entende e me explica!!!

  12. Fanny disse:

    Só uma coisa a dizer sobre “TODOS” os textos …. PUTA QUE PARIU !!! VC É FODAAA!

  13. paollajulianny disse:

    Adoro seus textos. Fico todos os dias ansiosa pra vê-los. Estou meramente apaixonada por ele.. Fã de carteirinha <3

  14. Thaís disse:

    Uau!
    Li um trecho desse texto no instagram e corri pra cá pra ler na íntegra!
    Posso dizer que já li e reli quatro vezes!
    Excelente!!!

  15. Camila Cartone disse:

    Tenho medo de você ! Sabe tudo da minha vida sem eu te conhecer kkkkkk

  16. Bruna Moreira disse:

    Incrível Como sempre, só li verdades, e parece que foi para mim …!

  17. Giovana Salgado disse:

    cara vc eh demais!! faz uma semana que leio seus textos todos os dias…. voce eh top!! otimo escritor! parabens!! sou sua fa de carteirinha…..

  18. MARCELO RIBEIRO disse:

    E AI RAFAEL…TD BEM?…MAIS UMA VEZ OBRIGADO PELAS SUAS PALAVRAS, TD ISSO FAZ MTO SENTIDO E É A MAIS PURA VERDADE, EU ESPERO MUITO UM DIA PODER VER A VISTA LÁ DE CIMA DA RODA GIGANTE E SABER O QTO ELA É INCRÍVEL, VOU SEMPRE PROCURAR SUAS PALAVRAS, POR FAVOR NUNCA MUDE SUA FORMA DE SER E DE DIZER AS VERDADES PQ SIM AS PESSOAS TEMEM À VERDADE, MESMO DIZENDO Q PREFEREM A VERDADE É A MAIS PURA MENTIRA…ABÇS….

  19. Gabriel Cunha disse:

    Esse texto está entre um dos melhores que já li na Internet. As tuas palavras simplesmente expressaram a maioria das coisas que eu sinto. É como se você fosse meu psicólogo. Parabéns!

  20. desconhecido disse:

    Cara, que texto bem elaborado, encontro-me nesta situação, namoro há 4 anos e ouvi coisas dela que me maxucaram bastante, e penso como será minha vida após o término dest namoro, e vai por mim, sofro somente em pensar, mas consigo olhar-me de fora e parace q há uma força maior que eu q diz: VC vai superar… Sou bem mais sentimental que ela, sói bem mais carente, e estou aprendendo a segurar meus sentimentos e espero muito coisa dela, mas no fim não recebo aquilo que tanto almejo. Valeu este texto trouxe-me bons pensamentos e reflexões.

  21. Laynne disse:

    SIMPLESMENTE INCRÍVEL, MUITO BOA ESCRITA E PALAVRAS FUNDAMENTADAS, ADOREI

  22. edilma disse:

    como seu texto é verdadeiro.
    Foi uma terapia, vou ler que sempre.

  23. KARINA FABRI CAMPOS disse:

    Cada dia que passa fico mais encantada com seus textos. Seu jeito simples e puro de dizer, mtas vezes até duro nos faz enxergar a vida de um outro modo, de uma outra esfera. Parabéns pelo belo trabalho que tem feito.
    Tudo de melhor

  24. […] Publicado em Precisava Escrever  […]

  25. Victor disse:

    É o 6 ou 7 texto que leio seu meu amigo, a maioria me identifiquei, você esta de parabéns, que Deus te abençoe e que te de muita imaginação para continuar com essas obras maravilhosas que tenho certeza que são são iluminada por ele.

  26. Stéphannie disse:

    Um dos melhores textos seus que li. Me descreve muito bem. Continue assim Rafa sendo um pouco de nós! Quero muito ter o prazer de conhece-lo. Vem pra cidade dos Príncipeees. Joinviile – SC <3

  27. Fabiana disse:

    Amei, perfeito. Parabéns ???

  28. Fernanda disse:

    Incrível!
    Sábias palavras!
    Parabéns!

  29. Juliana Rodrigues disse:

    Fantástico! Sabes colocar sentimento em cada palavra, ficou lindo!

  30. Mariia disse:

    Tudo é passageiro e incerto.

  31. Andréia Dias disse:

    Estou adorando os seus textos. Cada um melhor que o outro. Parabéns!

  32. Fran disse:

    Lindo, lindo, encantada por esse texto…contou tudo o que se passa na minha cabeça e momentos já vividos. Parabéns Rafael!

  33. Kallyny disse:

    Me descreveu! Que difícil!
    Me encontro dessa forma.

  34. Nossa q lindo! vc se sai bem com as palavras.. parabéns pelo talento! continuem.. O nosso país precisa de pessoas como voçê…

  35. Maria do Socorro Ramalho disse:

    Olá Rafael!

    Fiquei, encantada com seus textos. Magnifico!!
    Você coloca sentimento da alma, em cada palavra, maravilhoso……
    Parabéns!!

    Um abraço.

  36. Vitória Almeida disse:

    Esse é um dos meus preferidos *-* Ta de parabéns Rafa!!!

  37. Claudia disse:

    Rafa, comecei a ler hoje, sua energia é muito boa, acredite! amei

  38. […] Que venham outros amores, outros amigos, outros lugares e outros momentos. Que a dor de um adeus não seja maior que a alegria de um recomeço. Que o medo de errar não seja maior que a vontade de acertar. Porque a vida vai ser sempre essa roda gigante, e se você não aguentar o frio na barriga na hora da descida, não vai sentir o vento no rosto e a sensação única da subida. E vai por mim, a vista lá de cima é incrível. Autor do texto: Rafael Magalhães – www.precisavaescrever.com.br/bagagem-emocional/ […]

  39. Sabrina Passos disse:

    Amoooo !!!

  40. Jaci disse:

    Obrigada pelas palavras! Acrescentou novas cores de esperança e coragem ao meu dia…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.