"Não prometo sorrisos nem lágrimas, mas é provável que aconteçam."

O céu é só uma promessa.

  Eu morri em uma quinta-feira chuvosa. Um momento de desatenção, uma curva mal feita, o asfalto molhado e então acordei aqui. Morrer não foi doloroso. Eu não senti dor, não senti medo, não demorei a entender. É como se você piscasse aí e de repente acordasse aqui, despertando de um sono profundo. O que dói […]

Leia Mais


13 de maio de 2013

Goiano com R caprichado.

Acontece que eu sou Goiano e gosto do arroz com pequi, do caju tirado no pé, do x-salada no final da noite, do pastel da feirinha, do empadão bem quente, do espetinho de esquina e da pamonha derretendo no prato. Gosto da moda de viola, da branquinha que desce queimando, da pelada no final de […]

Leia Mais


18 de abril de 2013

New York: A viagem dos sonhos.

Nova Iorque não tem me surpreendido em nada. É exatamente do jeito que sempre imaginei, o lugar mais incrível que existe. Até agora não avistei nenhum T-Rex, Gorila ou algo do tipo. Os táxis amarelos seguem cortando as avenidas entupidas de gente de todo o canto do mundo, especialmente de brasileiros. Olhando para os prédios consigo […]

Leia Mais


16 de abril de 2013

Minha trilha sonora.

Um dia, quando ainda criança, liguei o rádio e estava tocando uma música sobre uns caras que tinham invadido a cidade de Santos. Aquela voz rouca, aquela atitude na letra, aquele som que dava vontade de pular, minha vontade de ter uma banda favorita… Acho que tudo contribuiu para que aquela música me chamasse tanto […]

Leia Mais


6 de março de 2013

Natal é sempre assim!

Todo Natal é sempre assim. Seu pai e sua mãe discutem pelo velho rodízio de passar o Natal um ano em cada família e que nunca funciona. Você come tudo que está prometendo perder no ano seguinte. Aquele seu tio barrigudo pergunta como estão as gatinhas. A amiga da sua mãe insiste em falar que você […]

Leia Mais


24 de dezembro de 2012

Três momentos de uma vida inteira.

  E se um dia inventassem uma máquina do tempo? Uma daquelas de filme de ficção, que você escolhe a hora e o local. Daquelas que você pode retornar e reviver um momento, sua história, recriar, reinventar, mudar, refazer . Voltar naquele exato segundo que você gostaria de ter agido diferente. Se pudesse então escolher […]

Leia Mais


17 de dezembro de 2012

Eu fui ao Caldas Country e não dei a bunda.

Quantos Caldas Country existem? Essa é a pergunta que a maioria das pessoas que compareceram ao evento em Caldas Novas estão se fazendo durante toda a semana. Ainda não consegui contabilizar, mas até onde consegui perceber são vários. Fiquei com essa impressão a medida que fui notando que o evento divulgado pela mídia e pelas redes […]

Leia Mais


20 de novembro de 2012