"Não prometo sorrisos nem lágrimas, mas é provável que aconteçam."

Três momentos de uma vida inteira.

  E se um dia inventassem uma máquina do tempo? Uma daquelas de filme de ficção, que você escolhe a hora e o local. Daquelas que você pode retornar e reviver um momento, sua história, recriar, reinventar, mudar, refazer . Voltar naquele exato segundo que você gostaria de ter agido diferente. Se pudesse então escolher […]

Leia Mais


17 de dezembro de 2012

Eu fui ao Caldas Country e não dei a bunda.

Quantos Caldas Country existem? Essa é a pergunta que a maioria das pessoas que compareceram ao evento em Caldas Novas estão se fazendo durante toda a semana. Ainda não consegui contabilizar, mas até onde consegui perceber são vários. Fiquei com essa impressão a medida que fui notando que o evento divulgado pela mídia e pelas redes […]

Leia Mais


20 de novembro de 2012

Por um mundo com menos MI MI MI

Por um mundo com menos MI MI MI

Rogamos por um mundo com menos drama. Com menos autopiedade, autoafirmação, autoestima volátil. Por um mundo com menos “por que você está fazendo isso comigo?”, “as coisas nunca dão certo pra mim” ou “eu não vivo sem você”. Menos cara emburrada e mais atitude. Menos teoria e mais prática. Rogamos por sentimentos menos banalizados, menos […]

Leia Mais


1 de novembro de 2012

Minha última benção.

Acontece que os netos são mesmo assim. Descuidados, imaturos, traquinas. E foi como um bom neto desajuizado que cometi minha última travessura vozinha, quando acreditei que a senhora fosse eterna. Acreditei que sempre estaria aqui, com seus braços abertos e o sorriso no rosto. Acreditei que pessoas como a senhora não partiam, e agora esta […]

Leia Mais


1 de outubro de 2012

Os amores de Sophia

Os amores de Sophia

Sophia conheceu o amor logo na infância. Ela e seu ursinho de pelúcia eram quase inseparáveis. Na escola, amou em segredo o Paulinho, garoto mais velho que nunca se quer soube o seu nome. No ensino médio, conheceu seu primeiro namorado e, mais uma vez, se apaixonou, até ele ficar com sua melhor amiga e estragar […]

Leia Mais


30 de agosto de 2012

A falta que você me faz.

Finalmente a ficha caiu. Estou escrevendo para dizer que esse vazio no peito e essa falta que você me faz já não são mais suportáveis. Eu realmente sinto muito. Resolvi deixar o orgulho de lado e assumir que eu não te valorizei o quanto você merecia. Ainda não sei como pude estar tão cego. Você estava aqui tão […]

Leia Mais


13 de agosto de 2012

Culhões

Existem várias formas de uma pessoa morrer, mas de viver eu só conheço uma: sem medo. O medo te restringe, te aprisiona e te faz refém. O medo te priva de novas lições, novas experiências e novas conquistas. Aquele frio na barriga não é medo. É ansiedade, apreensão, adrenalina. Medo é quando essas situações te impedem de […]

Leia Mais


1 de agosto de 2012