"Não prometo sorrisos nem lágrimas, mas é provável que aconteçam."

Solteira sim, sozinha quando quero

Solteira sim, sozinha quando quero

Sim, eu estou solteira e você precisa ser alguém muito especial para conseguir mudar isso. Solteira sim, sozinha quando quero. É tão simples, mas as pessoas têm dificuldade de aceitar essa situação. Vez ou outra insistem em inventar nomenclaturas para o meu momento. “Encalhada”, “solteirona”, “pra titia”… A criatividade vai longe na hora de apontar […]

Leia Mais


28 de novembro de 2016

Amor grande, vida breve

Amor grande, vida breve

Esse aqui é só mais um lamento de alguém que perdeu o seu grande amor. O mesmo restaurante, a mesma mesa, o mesmo horário. Há algum tempo atrás eu costumava assistir essa cena sentado ao lado dela. Hoje procuro um lugar distante e fico a observar. Ela continua linda e meiga como sempre. Ela sempre senta […]

Leia Mais


7 de novembro de 2016

Verdades sobre o ex

Verdades sobre o ex

Bom, já que terminamos, talvez seja a hora de te dizer algumas verdades. Não é nada pessoal, tá? Vamos por tópicos… Você é a pessoa mais egoísta do universo. Eu me afastei dos meus amigos por sua causa. O pão de queijo da sua avó tem gosto de veneno de barata. Seu tio não é […]

Leia Mais


31 de outubro de 2016

O motivo do meu sorriso

O motivo do meu sorriso

Ontem de tarde a tia do café me perguntou sobre você. Hoje, logo pela manhã, o dono da academia quis saber o seu nome. Não me pergunte como, mas as pessoas têm te notado no meu sorriso. Dizem que eu não sou mais o mesmo. Ainda bem! Os meus amigos querem saber por que não […]

Leia Mais


17 de outubro de 2016

Querida alma gêmea

Querida alma gêmea

Querida alma gêmea, eu sei que vai ser lindo quando você aparecer. O nosso primeiro encontro, o primeiro beijo, a nossa música tocando ao fundo. Eu sei também que o nosso casamento vai ser a melhor festa do ano e que o nosso filho será o bebe mais lindo do mundo, mas será que posso […]

Leia Mais


3 de outubro de 2016

Chegou a hora

Chegou a hora

As borboletas no estômago voltaram. Aquele frio na barriga que eu pensei que não fosse nunca mais sentir. Uma vontade absurda de ouvir a sua voz, de mergulhar no seu abraço, de ter você sempre aqui por perto. Quem diria… De tantas vidas por aí, a sua foi esbarrar logo na minha. E eu, que […]

Leia Mais


19 de setembro de 2016

Quase nada

Quase nada

(Resposta ao texto anterior – Leia primeiro o texto Quase Tudo) Amanha será um grande dia sim. Estou muito ansiosa e está quase tudo pronto, apesar de ter optado por algumas mudanças no roteiro. Trocamos a praia pelo jardim da fazenda do meu noivo. Não vai ter convidados com pés na areia, mas terá entrada […]

Leia Mais


8 de setembro de 2016